loader image

Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz - OSTP

A Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (OSTP), que no ano de 2016 completou 20 anos, foi criada pela Secretaria Executiva de Cultura (Secult). Os maestros Andi Pereira, Barry Ford, Mateus Araujo e Enaldo Oliveira já foram titulares da orquestra, que desde janeiro de 2011 é conduzida pelo maestro Miguel Campos Neto. Esteve à frente da OSTP, como convidado, o maestro Patrick Shelley, Roberto Duarte, João Carlos Martins, Luís Fernando Malheiro, Silvio Viegas, Abel Rocha, Flávio Florence, Carlos Moreno, Gian Luigi Zampieri, Jamil Maluf, Alessandro Sangiorgi, Laércio Diniz, Marcelo de Jesus, Edilson Ventureli e Linus Lerner, entre outros. Como solistas, atuaram artistas de renome internacional como Arnaldo Cohen, Arthur Moreira Lima, Miguel Proença, Antonio Del Claro, Emmanuele Baldini, Eliane Coelho, Rosana Lamosa, Ryu Goto, Ji Young Lim, Luís Rossi, Robert Bonfiglio dentre outros, bem como os paraenses também conhecidos internacionalmente, Adriane Queiroz, Carmen Monarcha e Atalla Ayan, e muitos outros grandes nomes da música paraense de várias gerações.

Gravou dois CDs ao vivo: em 1999 o CD “Arthur Moreira Lima interpreta Waldemar Henrique”, e em 2012 o CD “Centenário Wilson Fonseca”, além de dois DVDs ao vivo, um em 2008, e o mais recente com a cantora Carmen Monarcha, em 2015.

A OSTP realiza temporada de concertos mensais no Theatro da Paz, mantém um programa de concertos didáticos, um projeto de interiorização, concertos ao ar livre, uma série de câmara, além de atuar no Festival de Ópera do Theatro da Paz.

No ano de 2012, a OSTP se destacou na imprensa nacional, recebendo elogios da crítica especializada, pela execução da ópera Salomé, de R. Strauss. Desde então, a crítica brasileira vem reconhecendo a trajetória ascendente da orquestra, com elogios por sua atuação nas óperas Il Trovatore e Otello, de Verdi, e Don Giovanni, de Mozart, regidas por Silvio Viegas, e Navio Fantasma, de Wagner; Mefistofele, de Boito e Os Pescadores de Pérolas, de Bizet, Turandot, de Puccini, e A Voz Humana, de Poulenc, sob a direção do seu Maestro Titular, Miguel Campos Neto. Em 2016 a OSTP se apresentou no Teatro Amazonas, de Manaus, com grande sucesso de público, dentro da programação do Festival Música na Estrada.

Em 2017 e 2018, a OSTP foi escolhida na seleção de Melhores do Ano, do site movimento.com, como a melhor orquestra da Temporada Nacional de Ópera.

     

    Miguel Campos Neto

    Regente Titular e Diretor Artístico OSTP

    Entre os compromissos mais importantes do início do ano de 2019 para Miguel Campos Neto, pode-se destacar o retorno ao Curso Internacional de Verão de Brasília como professor de regência e maestro da orquestra sinfônica de encerramento, a estreia como regente convidado de uma nova orquestra europeia, a Orquestra Sinfônica de Avignon (França), e o retorno à Universidade La Sierra, na Califórnia, como professor visitante de prática de orquestra.

    Com diploma em regência pela Mannes College of Music de Nova York, Campos Neto iniciou a sua nona temporada como regente titular da Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz, cargo que também exerce com a Orquestra Sinfônica Altino Pimenta (UFPA) e a Orquestra Sinfônica Wilson Fonseca (Santarém). Serviu também por 12 anos como regente titular da orquestra Jovem Vale Música e continua sua relação com esta orquestra como maestro convidado. Com atuações nos dois festivais de ópera mais importantes do Brasil (Manaus e Belém), ele já acumula um notável repertório operístico, e contabiliza 6 lançamentos em DVD de óperas totalmente encenadas.

    Orquestra Sinfônica

    Regente: Miguel Campos Neto

    Regente Assistente: Matheus Avlis

    Primeiros Violinos:
    Justo Gutierrez (Spalla)
    Fábio Santos
    Eryck Giacon
    Júlio Carlos
    Luiza Aires
    Susan Hagar
    Roberta França
    Igor Amaro
    Luís Oliveira
    Ricky Sandres

    Segundos Violinos:
    Hélio Savaney
    Allan Peter Gomes
    Arielson Soares
    Aparecida Luanda
    Joyce Batista
    Pedro Henrique
    Feliphe Bruno
    Helena Medeiros
    Bruno Smetak
    Rebeca Bertazo

    Violas:
    Haroldo Fonseca
    Gabriel Gonçalves
    Nicoli Martins
    Thiago da Silva
    Rosildo Monteiro
    Jennifer Oliveira
    Alexsandro Castro
    Gabriel Silva

    Violoncelos:
    Luiz Sena
    Haziel Cândido
    Laís Tavares
    Tiago Imbiriba
    Luiz Gustavo Saraiva
    Gabriella Fuglsig
    Cinthía Matias
    Abraão Sales

    Contrabaixos:
    Cláudia Amaral
    Fernanda Pavanelli
    Márcio Bolzan
    Paulo André Nascimento
    Ana Cláudia Machicado

    Flatuas:
    Clara Letícia
    Fabrício Aleixo
    Victor Slayer

    Oboés:
    Joás Saraiva
    João Carlos Gomes
    Pedro Henrique Vieira

    Clarinetes:
    Lucas Ferreira
    João Palheta
    Joabe Oliveira

    Fagotes:
    Adriano Leal
    Samuel Rosa
    Sérgio Galisa

    Trompas:
    Éder Tavares
    Fabrício Santos
    Hélden Sávio
    Jaqueline Louzada
    Leonete Navegantes

    Trompetes:
    Roger Brito
    Ricardo Sigari
    Flávio Teixeira

    Trombones:
    Benedito Júnior
    Kelson Pinheiro
    Manassés Malcher

    Percussão:
    Wendel Brandão
    Ruth Saldanha
    Magno Morais

    Piano:
    Ana Maria Adade

    Produtor Cultural:

    Assistente de produção
    Moisés Silvestre

    Arquivista:
    Monicky Romanholi

    Inspetor:
    João Ribeiro

    Montadores:
    Davi Pimentel
    Heberson Alcântara
    Antônio Carlos

    Fotos para divulgação

    Conheça o canal do Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz no Youtube!

    Visite o Theatro

    Faça um tour virtual e conheça a estrutura do Theatro da Paz

    Acompanhe nossas redes sociais

    Bilheteria

    Informações: (91) 4009-8758/ 8759/8756

    [email protected]

    Rua da Paz S/N - Centro - Belém-PA - Amazônia - Brasil

    CEP: 66.017-210 
    [email protected]